nde-ed.org Indice ROCarneval

EC-02 - História do Ensaio de Correntes Parasitas

(traduzido do sítio: http://www.nde-ed.org/EducationResources/CommunityCollege/EddyCurrents/Introduction/historyofET.php)

O ensaio de correntes parasitas tem sua origem com a descoberta de Michael Faraday a indução eletromagnética em 1831. Faraday foi um químico inglês no início do século 1800 e ao qual se credita a descoberta da indução eletromagnética, rotação eletromagnética, efeito ótico-magnético, diamagnetismo e muitas outras descobertas. Em 1879, outro cientista chamado Hughes registrou mudanças nas propriedades de uma bobina quando posta em contato com metais de diferentes condutividades* e permeabilidades. Entretanto, somente após a Segunda Guerra Mundial é que esses efeitos foram postos em prática com uso no ensaio de materiais. Muito trabalho foi feito nos anos 1950 e 1960, particularmente nas indústrias aeronáutica e nuclear. O ensaio de Correntes Parasitas é hoje amplamente usado e  bem conhecido como método de inspeção.

Michael Faraday

*condutividade  = é uma propriedade do material  que indica a habilidade do material em conduzir a eletricidade, é o inverso da resistividade

https://rocarneval.neocities.org/EC_02-Historia.html

PÁGINA ANTERIOR https://rocarneval.neocities.org/EC_01-PrincipiosBasicos.html

PRÓXIMA PÁGINA
https://rocarneval.neocities.org/EC_03-EstadoAtual.html

ÍNDICE https://rocarneval.neocities.org/EC_00-Indice(CP).html